domingo, 19 de julho de 2009

Marley e eu

Só agora assisti o adorável "Marley e eu". Bem que me avisaram que eu choraria muito... É um filme sobre o que realmente importa na vida. Como tenho cachorro (uma cachorra que as vezes considero a pior do mundo), me identifiquei mais ainda.
O momento em que mais chorei foi no final, com a mensagem que o autor do livro (e personagem do filme) deixa para seu amiguinho. É algo assim:

"Cães não precisam de carros luxuosos, casas grandes ou de roupas chiques.
Água e alimentos já são o bastante.
Um cachorro não liga se você é rico ou pobre.
Esperto ou não. Inteligente ou não.
Dê o seu coração e ele dará o dele.
De quantas pessoas podemos dizer o mesmo?
Quantas pessoas fazem você se sentir raro, puro e especial?
Quantas pessoas nos fazem sentir…
extraordinários?"

Tão simples e tão verdadeiro!

2 comentários:

Marcelo disse...

Tens que ver "Quem Quer ser um Milionário?". Baita filme.

Luciana Carvalho disse...

Eu já vi também, Marcelo... E adorei! :)